No estádio Amigão, em Campina Grande, na noite de quarta-feira (03), Treze e Sousa se enfrentaram e definiram o adversário do Botafogo-PB na final do Campeonato Paraibano de 2024. E depois da vitória o Dinossauro no sertão por 2 a 1, na partida de volta das semifinais, o esmeraldino segurou o empate por 0 a 0 e se classifica para decidir o torneio com o Botafogo-PB.

Precisando vencer de qualquer maneira, o técnico William de Mattia escalou os donos da casa com Igor Rayan, Van, Luís Fernando, Rafael Castro (Roberto), Higor (Leonan); Juninho (Matheus Chaves), Edmundo (Di Maria), Gui Campana (Xandy); Will Viana, Thiaguinho e Pilar, com a saída de Xandy dos titulares para a entrada do centroavante Pilar.

Já do lado do Dino, Paulo Schardong apenas trocou Hiago por Leozinho com relação ao time que começou jogando no Marizão. Iniciaram a partida Bruno Fuso, Iranilson, Breno Cézar, Marcelo Duarte, Jackson Santos (João Rafael); Hebert Cristian (Everton Potiguar), Alexandre Aruá, Felipe Jacaré, Reinaldo (Adriano Seixas); Leozinho (Hiago Ramiro) e Diego Ceará (Michel Potiguar).

A primeira metade da partida foi de praticamente nenhuma emoção. Vindo em uma postura claramente retrancada, o Sousa fechava os espaços e tentava se aproveitar das inúmeras falhas do sistema defensivo trezeano.

Já o Treze, por sua vez, não conseguia impor seu futebol e praticamente não incomodou o goleiro Bruno Fuso. Igor Rayan também foi mero espectador, e o 0 a 0 prevaleceu até o intervalo.

Para conseguir o resultado que precisava no segundo tempo, o técnico do Galo colocou o time para cima tirando Higor, Juninho e Gui Campana para colocar Leonan, Matheus Chaves e Xandy. Já o Sousa voltou com o mesmo time que começou a partida.

E logo no primeiro lance da segunda etapa, no primeiro minutos, após cobrança de escanteio da esquerda, Leonan aproveitou bate rebate e chutou a queima-roupa, mas o goleiro sousense fez uma ótima defesa para evitar a abertura do placar. No lance seguinte, Xandy recebeu na esquerda, cortou para o meio e acertou o chute no travessão, levantando a torcida.

A resposta do Dino veio aos 26 do segundo tempo. Diego Ceará fez jogada pela esquerda e tocou para o meio, onde Reinaldo fez o corta luz e Hebert Cristian apareceu como elemento surpresa para limpar a marcação e bater no canto esquerdo de Igor Rayan, que mandou para escanteio com a ponta dos dedos.

No último suspiro do Treze, aos 49 minutos, Xandy mais uma vez cortou da esquerda para o meio e acertou o travessão.

O Galo fica na terceira posição do Paraibano e se garante na Série D de 2025. O Sousa vai para sua terceira final do estadual nos últimos quatro anos, e vai decidir com o Botafogo-PB quem fica com a taça. O Dino também fica com a vaga na Copa do Brasil do ano que vem, além da Série D e pelo menos na Pré-Copa do Nordeste como vice-campeão, ou lugar na fase de grupos se conquistar seu tricampeonato.

Informações com Voz da Torcida

Categorized in:

Esporte,

Last Update: 3 de abril de 2024