BOM PARA AMBOS

O jogo foi bem abaixo do esperado. Prova disso é que os goleiros Dalton, do Botafogo-PB, e Gabriel Souza, do Sousa, trabalharam apenas em saídas do gol em bola parada e em cobranças de tiro de meta. Porém, o empate sem gols no Almeidão não foi de todo ruim para as pretensões de ambas as equipes no Campeonato Paraibano, uma vez que o ponto bastou para classificar o Belo com duas rodadas de antecedência às semifinais, enquanto que para o Sousa serviu para aproximar ainda mais o Dinossauro do G-4. Vale lembrar que as duas equipes ainda tem dois jogos por fazer no Paraibano.

PRIMEIRO TEMPO

Foi um primeiro tempo de poucas emoções no Estádio Almeidão, em João Pessoa. Mesmo precisando da vitória para dar um passo significativo rumo às semifinais, Botafogo-PB e Sousa pouco fizeram para tirar o 0 a 0 do placar. Dono da casa, o Belo apostou muito nas jogadas pelas extremidades do seu setor ofensivo, com Jean Silva e Paulinho, porém, sem grande efetividade, uma vez que a defesa sousense se postou muito bem durante todos os 45 minutos iniciais.

Já o Sousa, maior interessado na vitória para entrar no G-4 ainda nesta rodada, ficou acuado atrás da linha de meio de campo durante praticamente todo o primeiro tempo. Nas poucas investidas ao ataque, ora com Leozinho, ora com Diego Ceará, o goleiro Dalton não precisou fazer nenhuma defesa. Ao fim do primeiro tempo o empate sem gols pareceu ser o placar mais justo.

SEGUNDO TEMPO

O segundo tempo começou com mudanças nos dois lados, o que oxigenou ambas as equipes. Porém, mesmo com mais disposição, os times seguiram apresentando grandes dificuldades em criar jogadas de perigo. De um lado, o Botafogo-PB seguia insistindo nas jogadas de lado e tentando os arremates de longa distância, enquanto que o Sousa passou a tocar mais a bola no campo de defesa do Belo, mas sentindo bastante a falta de criação, já que Reinaldo, destaque da equipe contra o Petrolina, na Copa do Brasil, foi incessantemente marcado durante todo o jogo.

A partir dos 25 minutos as equipes pareceram entender que o empate era uma bom resultado para ambas as equipes e diminuíram o ritmo. A partir daí o jogo seguiu sem muitas emoções até o apito final.

PRÓXIMOS COMPROMISSOS

O Botafogo-PB entra em campo na próxima quarta-feira, quando às 20h15, também no Estádio Almeidão, vai realizar mais uma edição do Clássico Tradição contra o Treze, em duelo que vale a liderança do campeonato. Já o Sousa entra em campo também na quarta-feira, porém mais cedo, às 19h30, contra o São Paulo Crystal, no Marizão.

AS EQUIPES

BOTAFOGO-PB

1 – Dalton

2 – Lenon

3 – Douglas

4 – Wendel Leomar

16 – Bruno Cardoso (6 – Rafael Furlán)

5 – Rodrigo

20 – Thalyson (27 – Bruno Mota)

10 – Bruno Leite (28 – Luiz Felipe)

7 – Jean Silva (21 – Dudu🟨)

36 – Paulinho (19 – Kiko)

9 – Pipico 🟨

Tec – Moacir Júnior

SOUSA

30 – Gabriel Souza

2 – Iranilson (17 – Danilo Bala)

4 – Marcelo Duarte

13 – Breno Cézar 🟨

6 – Leozinho (15 – Gustavinho)

5 – Felipe Jacaré 🟨

7 – Ewerton Silva (14 – João Rafael)

20 – Reinaldo (21 – Juninho)

8 – Alexandre Aruá

9 – Diego Ceará (10 – Michel Lima)

22 – Jackson Santos

Tec – Paulo Schardong

Informações com Globo Esporte PB

Categorized in:

Esporte,

Last Update: 10 de março de 2024