Nossas Redes Sociais

Clinton Medeiros

Clinton Medeiros

Tribunal de Contas multou prefeito de Paulista-PB

Política

Tribunal de Contas multou prefeito de Paulista-PB

Por contratação irregular de servidores

O TCE (Tribunal de Contas do Estado da Paraíba) considerou irregulares as contratações por excepcional interesse público de 2017 a 2021 na cidade de Paulista. O prefeito Valmar Arruda (PL) recebeu uma multa de R$ 2 mil.

Segundo registros no Sagres, entre os exercícios de 2013 a 2016, o percentual dos contratados por excepcional interesse público em relação aos efetivos se mantinha sem alteração ou com ligeiro aumento. Nesse período o percentual orbitou entre 5% a 5,5%.

A partir do exercício de 2017 o percentual teve um acréscimo, alcançando 9,39%, crescendo a partir de então, 9,56% em 2018, 10,67% em 2019 e 13,55% em 2020, última informação disponível.

Em dezembro de 2019, dos 56 contratados por excepcional interesse público, 10 se mantinham na Prefeitura de Paulista desde o exercício de 2017, tempo superior ao permitido pela legislação. Além disso, pesquisas realizadas nos autos dos processos da Prefeitura Municipal de Paulista, não identificaram o envio de legislação que amparasse as contratações de pessoal por tempo determinado em função da necessidade temporária de excepcional interesse público. A lei municipal existente foi declarada inconstitucional pelo Tribunal de Justiça da Paraíba.

O último concurso realizado pela Prefeitura de Paulista foi em 2015, quando foram nomeados 24 servidores ao longo do exercício de 2016.

Informações com Portal SN1

Clique para comentar

Deixe seu comentário

Mais Notícias em Política

TOPO