Nossas Redes Sociais

Clinton Medeiros

Clinton Medeiros

Final de semana foi de 74 cirurgias realizadas no Hospital Regional de Catolé do Rocha

Saúde

Final de semana foi de 74 cirurgias realizadas no Hospital Regional de Catolé do Rocha

Opera Paraíba

O plantão do final de semana no Hospital Dr. Américo Maia de Vasconcelos, de Catolé do Rocha, unidade pertencente à rede estadual de saúde, ficou marcado pela realização de 74 cirurgias pelo Programa Opera Paraíba, um parto normal e ainda o atendimento de 339 pessoas no ambulatório médico. Foram 118 na sexta-feira (19), mais 117 no sábado (20) e outros 104 pacientes no domingo (21).

Nos atendimentos do ambulatório médico no final de semana, a maior demanda foi de pacientes com queixas de dores diversas, 66 no total, seguida de cefaleia, amigdalite, gastrite, administração de medicação, mal estar, lombalgia, reação alérgica, complicações decorrentes de quedas, entre outras causas.

O hospital registrou, ainda, entre a noite da sexta-feira e a meia-noite desse domingo o atendimento a 16 vítimas de sinistros de trânsito, sendo 15 delas com motocicletas e uma com automóvel. Neste período, o hospital também realizou 61 exames de Raios-X e mais 258 exames clínicos.

As 74 cirurgias realizadas pelo Opera Paraíba beneficiaram pacientes das cidades de Juru, Maturéia, Nazarezinho, Triunfo, São João do Rio do Peixe, Cacimba de Areia, Cajazeiras, Diamante e São José da Lagoa Tapada, com Colecistectomia (retirada cirúrgica da vesícula biliar), Histerectomia (remoção do útero), Hemorroidectomia (remoção das hemorroidas), Hernioplastia (procedimento usado para o tratamento da hérnia na parede abdominal) e Exerese de Lipona de Partes Moles (remoção de células de gordura acumuladas debaixo da pele). Foram 26 cirurgias na sexta-feira (19), mais 25 no sábado (20) e outras 23 no domingo (21).

Antônio Bidô, um dos cirurgiões que participou do Opera, fala da importância do Programa. “Essa ação é extremamente importante. Estamos em Catolé pela sexta vez e a palavra que nos define é gratidão a todos que participam deste Programa que está mudando a realidade das cirurgias eletivas na Paraíba e devolvendo qualidade de vida aos paraibanos”, destacou o médico.

Em Catolé, neste final de semana, várias histórias de vida foram transformadas graças à ação do Opera Paraíba. O agricultor José Alves Neto, da cidade de Triunfo, não conseguia mais trabalhar por causa de uma hérnia. “Eu sofria há quatro anos com problemas com uma hérnia e nem estava trabalhando mais com tanta dor. Agora, vim fazer a cirurgia e espero poder voltar a trabalhar logo” disse ele. “A doença vinha me incomodado bastante e espero que com essa cirurgia eu volte a ter mais saúde”, disse a manicure Bianca da Silva Alves, 20 anos, que tinha pedra na vesícula e por causa das dores também não estava mais conseguindo trabalhar.

Informações com Secom PB

Clique para comentar

Deixe seu comentário

Mais Notícias em Saúde

TOPO