Nossas Redes Sociais

Clinton Medeiros

Clinton Medeiros

Nacional de Patos estreou vencendo o Sousa e quebrando tabu no duelo sertanejo

Esporte

Nacional de Patos estreou vencendo o Sousa e quebrando tabu no duelo sertanejo

Campeonato Paraibano

Há exatos 15 anos, no dia 21 de janeiro de 2009, o Nacional de Patos vencia o Sousa pelo placar de 2 a 0. Aquela seria a última vitória da equipe no clássico contra o Dinossauro pelo estadual. Desde então se passaram 13 confrontos e nenhuma vitória da equipe patoense. O tabu, no entanto, caiu neste domingo, quando com gol de Jair o Canário bateu o Sousa pelo placar de 1 a 0 e largou com o pé direito na luta pelo seu segundo título estadual.

PRIMEIRO TEMPO

O Campeonato Paraibano já começou com um clássico envolvendo Nacional de Patos e Sousa. E os primeiros 45 minutos da partida entre os rivais foi bastante interessante. Isso porque as equipes se alternaram no comando do ataque em diversos momentos do jogo. Em um primeiro momento, o Dinossauro teve as rédeas da situação, inclusive, levando mais perigo ao gol do goleiro Lucão, do Nacional, com a tríade ofensiva composta por Michel e Wilson Potiguar e Danilo Bala. Esses três, inclusive, foram os responsáveis pelas melhores oportunidades do Alviverde do Alto Sertão no primeiro tempo.

Do outro lado, Siloé e Romarinho foram os responsáveis por incomodar o sistema defensivo sousense. Romarinho, por sua vez, foi o grande responsável por levar perigo ao gol do goleiro Bruno Fuso, quando, aos 31 minutos, recebeu boa bola de Toninho dentro da área e encheu o pé, obrigando o goleiro a fazer uma belíssima intervenção. Os 45 minutos iniciais terminaram com o Sousa ligeiramente melhor.

SEGUNDO TEMPO

A etapa final começou com o Sousa buscando o gol. Logo no primeiro minuto da etapa final, Wilson Potiguar recebeu em profundidade, limpou a marcação e chutou forte, com muito perigo. Pouco a pouco, no entanto, o Nacional de Patos foi tomando terreno e se aproveitando das falhas defensivas da defesa sousense. E foi assim, aos 22 minutos da etapa final, que Jair aproveitou um bate-rebate na pequena área e só escorou para o fundo das redes de Bruno Fuso.

Após o gol o Sousa até tentou com seus jogadores de frente, mas esbarrou, ora no bom posicionamento defensivo do Canário, ora na trave do goleiro Lucão. O jogo seguiu com boas oportunidades para ambos os lados, mas sem ninguém conseguir mais mudar o placar. Ao fim do jogo, festa da torcida do Nacional de Patos no José Cavalcanti.

CENAS LAMENTÁVEIS

No intervalo da partida no Estádio José Cavalcanti, alguns torcedores organizados do Sousa invadiram o gramado e arrancaram faixas da torcia do Nacional que estavam no alambrado. A Polícia Militar precisou intervir para evitar que uma confusão generalizada acontecesse. Muito por isso o jogo ficou paralisado por mais de 15 minutos após o fim do intervalo.

PRÓXIMOS COMPROMISSOS

O Nacional de Patos recebe, no próximo sábado, o Treze, em partida que também acontecerá no Estádio José Cavalcanti. O jogo terá transmissão das TV’s Cabo Branco e Paraíba, a partir das 16h20. Já o Sousa também joga em casa, contra o Serra Branca, em jogo que acontece no próximo domingo.

AS EQUIPES

NACIONAL DE PATOS

1 – Lucão

2 – Toninho Paraíba

3 – Matheus 🟨 (14 – Wendel)

4 – Jairo

6 – Caíque 🟨(20 – Rafael)

5 – Moreilândia

7 – Otávio

8 – Romarinho (16 – Daniel)

10 – Siloé

11 – Jair ⚽ (17 – Jailton)

9 – Tiago Cunha (19 – Kaio Felipe)

Técnico: Michel Lima

SOUSA

1- Bruno Fuso

2 – Iranílson

3 – Adriano Seixas 🟨

4 – Marcelo Duarte

6 – Leozinho

5 – Hebert Cristian 🟨 (7 – Charles Pereira)

8 – Alexandre Aruá 🟨 (19 – Nathan Silva)

10 – Wilson Potiguar (20 – Alan Calbergue)

17 – Danilo Bala 🟨

11 – Michel Potiguar (16 – Jackson Santos)

9 – Diego Ceará

Técnico: Renatinho Potiguar

Informações com Globo Esporte PB

Clique para comentar

Deixe seu comentário

Mais Notícias em Esporte

TOPO