Nossas Redes Sociais

Clinton Medeiros

Clinton Medeiros

Rachadinha entre deputados da Paraíba? Ministério Público vai investigar

Política

Rachadinha entre deputados da Paraíba? Ministério Público vai investigar

O Ministério Público da Paraíba instaurou inquérito civil público para apurar suposto esquema de ‘rachadinha’ na Assembleia Legislativa (ALPB). São alvos da investigação, o presidente da Casa, o deputado Adriano Galdino (PSB), além dos deputados Caio Roberto, Doda de Tião, Edmilson Soares e a ex-deputada Eva Gouveia. A abertura do procedimento tem como base denúncia anônima enviada à Ouvidoria do Ministério Público.

Conforme os fatos narrados, a suposta prática da denominada ‘rachadinha’ no âmbito da Assembleia Legislativa teria ocorrido no período de 2011 a 2014 da seguinte forma: os assessores nomeados mantinham para si uma parte da remuneração e repassavam o restante para o parlamentar ou ao chefe de gabinete.

Ainda conforme a denúncia, os servidores envolvidos no esquema não assinavam folha de ponto, que era substituída por uma declaração assinada pela chefia de gabinete.

Procedimento

Ao instaurar o inquérito, a promotora Adriana de França Campos, solicitou ao Secretário de Administração e Recursos Humanos da Assembleia Legislativa do Estado da Paraíba uma cópia de toda documentação relacionada aos servidores lotados nos gabinetes dos investigados, incluindo fichas funcionais, cartões de ponto, contracheques, durante o período de 2011 a 2014.

À imprensa, os deputados Caio Roberto e Edmilson Soares negaram quaisquer irregularidades e disseram que os esclarecimentos estão sendo prestados pela Assembleia Legislativa. A assessoria da ALPB foi procurada por diversas vezes, mas preferiu não se posicionar sobre o caso.

Informações com Jornal da Paraíba

Clique para comentar

Deixe seu comentário

Mais Notícias em Política

TOPO
%d blogueiros gostam disto: