Nossas Redes Sociais

Clinton Medeiros

Clinton Medeiros

Vereadores de Catolé do Rocha justificam recesso de 4 meses sem sessões anuais

Política

Vereadores de Catolé do Rocha justificam recesso de 4 meses sem sessões anuais

Em Catolé do Rocha a Câmara Municipal tem quatro meses de recesso por ano. Para as pessoas entenderem melhor, dos doze meses, os vereadores têm sessões durante oito (a não ser que hajam extraordinárias que em média são quatro anuais, algumas no mesmo dia). As sessões também são apenas uma por semana, sendo quatro por mês. Em números redondos dá pouco mais de trinta reuniões por ano. 

Nas redes sociais e na imprensa o grande tempo de recesso tem sido alvo de críticas, o que fez os parlamentares não gostarem. Na sessão da última segunda-feira, vários justificaram e reclamaram das críticas. Os vereadores dizem que trabalham não somente na hora da sessão, mas em atendimento ao público.

“Será que eu ia descumprir a lei, aprovando projetos contra a lei fora do período das sessões, não sei porque tanta crítica, no recesso não vamos dormir, recebemos pessoas, resolvendo problema do povo. Recesso existem até nas escolas e se não fosse a lei estaríamos todo dia aqui”; falou o presidente da Câmara Cláudio de Sinfrônio (PSDB).

“É aparecer baixar o recesso para quinze dias, temos de cumprir a lei, e todos os dias atendo as pessoas na Câmara ou no Fórum”; justificou Gentil Barreto (PSL).

“Tô semanalmente em Catolé, mas as pessoas querem que estejamos 24 horas no prédio da Câmara, mas lembro que temos vida e quem precisa sabe o que estamos fazendo”; afirmou a líder e filha do prefeito Leomar Maia (PTB), Popó Maia (PTB).

Por fim no tema Ubanaldo Melo (SDD) também falou; “Eu viajo sempre para resolver problemas das pessoas, e quem fala que vereador não trabalha não conhece, se nosso trabalho fosse só aqui nessa sala era bom, nós não temos hora e se desligar o telefone dá polêmica, e lembro que não podemos nos dedicar só a isso, senão nossa família ficaria desassistida”; disse ele.

Cada vereador em Catolé do Rocha recebe por mês R$ 5,213 reais, exceto o presidente que ganha R$ 7,299, o subsídio (salário) deles foi aumentado este ano, desde janeiro, por decisão deles mesmos.

Clique para comentar

Deixe seu comentário

Mais Notícias em Política

TOPO
%d blogueiros gostam disto: