Nossas Redes Sociais

Clinton Medeiros

Clinton Medeiros

Jeová, Cida e Wilson com Haddad. DEM-PB não vota no PT

Política

Jeová, Cida e Wilson com Haddad. DEM-PB não vota no PT

O deputado estadual Jeová Campos (PSB), que conseguiu renovar seu projeto político na ALPB, com expressiva votação, disse que só irá descansar da maratona da campanha depois das eleições para presidente. “Agora é a hora de arregaçarmos as mangas e andar novamente pela Paraíba defendendo um projeto político que está do lado do povo brasileiro, que prefere a democracia à ditadura, que respeita a pluralidade das pessoas, que não cultua o preconceito, que não prega o ódio, que tem um projeto que não congela investimentos em saúde e educação, enfim, que representa avanço, progresso e justiça social”, disse o parlamentar que está convocando sua militância e apoiadores para se engajarem na campanha presidencial também nesse segundo turno.

“Não podemos permitir que o povo vote enganado, precisamos desconstruir essa falsa imagem de salvador da pátria, precisamos mostrar as pessoas que o projeto do PT e das forças progressistas e aliadas é o que há de melhor para o Brasil, precisamos apresentar nosso candidato Haddad que é, de longe, o mais preparado e o único que tem compromisso com as causas sociais, com os menos favorecidos, com a gente humilde que é a grande maioria da população brasileira”, destaca Jeová.

Ainda segundo o parlamentar, é preciso reascender a esperança do povo brasileiro que está descrente da política e dos políticos. “O alto índice de abstenção desta campanha, de quase 30 milhões de eleitores, os votos nulos e em branco, que somaram 10 milhões, mostra a descrença do povo brasileiro com a política. Precisamos esclarecer que é a partir da política que mudamos a realidade de uma sociedade, a vida das pessoas. Vamos fazer nestes poucos dias uma campanha propositiva e, principalmente, demarcar a enorme diferença entre o projeto de Haddad e seu adversário que representa as forças retrógradas, nefastas, fascistas, conservadoras e preconceituosas”, disse Jeová que vai reunir sua militância e apoiadores para definir estratégias e ações que foquem na campanha e eleição de Haddad.

Outra deputada estadual eleita e essa com o maior número de votos, mais de 56 mil, nas eleições desse ano, a professora Cida Ramos (PSB) engrossou a torcida em prol da eleição do também professor, Fernando Haddad (PT) para disputa presidencial, neste segundo turno das eleições. Segundo ela, os candidatos devem ser forjados ao debate para que o eleitorado saiba com quem poderá contar ou não, sobretudo na esfera social.

A socialista, entre as justificativas para não apoiar o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, além da falta do diálogo e da não apresentação de propostas, destaca ainda o fato de agredir quilombolas, comunidade que a apoiou nessa campanha, e que foi tachada de vagabunda pelo parlamentar.

Já Wilson Santiago, que foi eleito com mais de 86 mil votos a deputado federal pela Paraíba, destacou a sua escolha no primeiro turno em Fernando Haddad, e confirmou que  segue pelo apoio ao petista também no segundo turno.

Por fim, Efraim Morais, do Partido Democratas (DEM) não esconde a antipatia ao Partido dos Trabalhadores (PT) e reforça. “Toda Paraíba já conhece nosso posicionamento. Nós não votamos no PT”, desabafou.

Continue lendo...
Espere! Abaixo temos mais Notícias para você...
Clique para comentar

Deixe seu comentário

Mais Notícias em Política

TOPO