Nossas Redes Sociais

Clinton Medeiros

Clinton Medeiros

Bem-estar animal de Cajazeiras tem apoio de Faculdade e de Gervásio Maia

Política

Bem-estar animal de Cajazeiras tem apoio de Faculdade e de Gervásio Maia

O apelo em prol do bem-estar animal é pauta constante em Cajazeiras e tem tido ações efetivas, por exemplo, o presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Gervásio Maia, se reuniu, com grupos de proteção. O parlamentar foi convidado pelo vereador da cidade, Rivelino Martins (PSB), que milita em prol da causa animal na terra do Padre Rolim.

Durante a reunião, foram discutidos pontos do Código de Direito e Bem-Estar animal, aprovado recentemente na Assembleia Legislativa da Paraíba, e iniciativas de proteção e controle populacional de cães e gatos.

Na ocasião, o vereador Rivelino Martins, falou da necessidade de ações educativas, sanitárias e medidas de proteção dos animais.

Gervásio ressaltou da importância de criar uma política de proteção e controle populacional, bem como de criar campanhas de conscientização sobre esterilização, maus tratos e posse responsável dos animais de estimação. “A Assembleia deu um passo importante para que os que maltratam animais não saiam impunes. Nos próximos dias, o Governo da Paraíba vai discutir com os municípios um programa de controle de natalidade de cães e gatos. São políticas importantes, mas é preciso que este debate seja ampliado”, defendeu Gervásio.

Código de Direito e Bem-Estar animal da Paraíba

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou o Código de Direito e Bem-Estar Animal na Paraíba. O Projeto de Lei 934/2016, estabelece normas para a proteção, defesa e preservação dos animais.

A matéria estabelece ainda que sejam realizadas ações educativas ambientais em escolas públicas e privadas como forma de promover o respeito à vida e combater maus tratos contra os animais.

FACULDADE

Outro destaque sobre o tem é que há vários anos, Cajazeiras vivencia um problema de saúde pública relacionado a animais, mas que até agora nada havia sido feito pela gestão municipal no intuito de amenizar ou solucionar de vez a questão. Trata-se do excesso de cães e gatos de rua.

Com o aumento acentuado do número de animais abandonados nos últimos anos e da incidência de doenças decorrentes desses animais, a iniciativa de cuidar dos bichos partiu de uma instituição privada, a Faculdade Santa Maria, que propôs parceria com a Prefeitura para castrar e cuidar dos animais.

A parceria deu um passo importante. Foi lançado oficialmente o projeto de extensão denominado “Animais do Bem”, cuja proposta é capturar os animais para castrá-los e mantê-los sob os cuidados de profissionais de saúde em um canil.

“Esse é mais um projeto que vem favorecer o bem-estar dos animais, mas, além disso, quando a gente faz esse controle de natalidade, a gente também está promovendo saúde à população, porque nós vamos fazer um trabalho de sensibilização, um trabalho educativo na questão do cuidado responsável com os animais”, explicou Fernanda Lúcia, coordenadora de extensão e pesquisa da Faculdade Santa Maria.

Projeto “Animais do Bem” foi lançado oficialmente na Faculdade Santa Maria

No projeto, a Faculdade Santa Maria entra com a castração, a coordenação e o trabalho educativo, enquanto que a Prefeitura disponibilizará o canil e veterinários.

A parceira também evita casos extremos e ilegais como o que aconteceu no mês passado na cidade de Igaracy, no Vale do Piancó, e repercutiu internacionalmente, quando cerca de 50 cães foram sacrificados a pauladas a mando do secretário de Saúde.

“Cajazeiras vai na mão diferente do que foi Igaracy. E essa parceria público-privada faz com que ela sirva de exemplo, não só para a Paraíba, como para todo o Nordeste, de que é possível por prática ações verdadeiras para que possamos cuidar não só dos animais de rua, mas como cuidar também da população”, ressaltou o secretário de Saúde de Cajazeiras Cristóvão Pinheiro.

Para a solenidade de lançamento, a Faculdade Santa Maria convidou a médica veterinária Marideuzira Betânia, que deu uma explanação teórica e técnica visando à capacitação de veterinários para a realização de castrações químicas de cães e gatos, já que ela desenvolve na Amazônia um projeto nos moldes deste de Cajazeiras.

DIÁRIO DO SERTÃO

Clique para comentar

Deixe seu comentário

Mais Notícias em Política

TOPO
%d blogueiros gostam disto: