Veneziano afirma que quem não seguiu “Vital” será convidado a “deixar” PMDB

VenezianoO Deputado federal eleito, e  ex-prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rêgo (PMDB), em contato com o BLOG defendeu uma depuração completa nos quadros do partido. Ele disse que, passada a disputa do segundo turno, as lideranças têm que “convidar” os que não seguiram Vital do Rêgo, candidato a governador, e José Maranhão, candidato a senador, a deixarem a legenda.

Ele citou o caso de Manoel Júnior que, na sua visão, desde o primeiro turno, subiu no palanque do candidato do PSDB ao governo do estado, Cássio Cunha Lima. Para Veneziano, seria “constrangedor” para Manoel Júnior se fazer presente ao lado de Vital, Maranhão e Temer, nesta quarta-feira, na sede do diretório estadual do PMDB.

O deputado federal eleito lembrou que o partido fez três deputados federais e, juntamente com o PEN e o PSB, a maior bancada na Assembleia Legislativa. O evento foi comandado pelo vice-presidente da República, Michel Temer, presidente nacional do PMDB.

Vené falou sobre o tema também em recente passagem na cidade de São Bento.