Lucinete presidiu sessão da câmara de São Bento, que aprovou aumento de salário dos professores

Lucinete)02A câmara municipal de São Bento, na atual legislatura fez algo inédito, teve a presidência durante os trabalhos, de uma mulher, a vereadora Lucinete Carneiro (PSB) conforme foi anunciado pelo presidente de direito, Zé Carnaúba (PSB). Domilson Araújo (PMDB) comentou logo; “As mulheres estão dominando mesmo, e que bom isso”. De fato positivo o dia não teve só isso, mas também a aprovação do projeto que aumenta o salário dos professores, sendo retroativo a janeiro, com base no piso nacional.

Adaildo Dantas (PSB) até comentou sobre; “Aprovamos o aumento dos professores que o prefeito Jarques andou pra essa casa, unânime, o país está em crise, o aumento podia ter sido maior, os professores merecem, mas o projeto foi de sete por cento e acompanhou o governo federal”; destacou.

O vereador Artur Araújo (DEM) cobrou a não presença na pauta, de um ofício enviado pelo hospital municipal para o legislativo; “Estranho não estar na pauta aqui o ofício enviado pelo hospital de nossa cidade que esclareceu os debates da última sessão, espero que na próxima ele esteja em pauta, o presidente mande incluir”; esperou.

Faltaram aos trabalhos os vereadores Zé Carnaúba (PSB), Marcarone Suassuna (PMDB) e Jurandi da Prensa (PP).