Lauro Maia falou sobre rompimento com Gervásio. Ele ainda não definiu apoio para estadual

Lauro_MaiaO ex-prefeito e hoje presidente do PMDB em Catolé do Rocha, Lauro Maia falou publicamente pela primeira vez nesta terça-feira sobre os recentes fatos ocorridos que o envolvem. Entre os quais o seu rompimento político com seu primo o deputado estadual Gervásio Maia (PMDB).

Lauro disse que se sentiu em um desastre após a perca de confiança em pessoas que já ajudou. Ele disse preferir não entrar em detalhes, que segundo ele toda a Paraíba já sabe.

APOIO PARA DEPUTADO

Lauro disse ainda não ter a definição de quem irá apoiar para deputado estadual, mas a decisão deva sair até a próxima sexta-feira. “Eu caminho junto com o grupo de amigos que fica conosco, como Paulinho Araújo, Edvaldo Caetano, Geraldo Amélio entre outros”.

CONTINUA COM VITAL E VENÉ

O ex-prefeito também disse que seus outros votos continuam os mesmos, Veneziano para deputado federal, José Maranhão senado e Vital do Rêgo para Governo do Estado.

RICARDO COUTINHO

Lauro falou no recente encontro que teve com o governador Ricardo Coutinho (PSB), que o visitou em sua residência em Catolé; “Foi um prazer receber Ricardo em nossa casa. Devo me encontrar com ele em João Pessoa em breve e vamos tratar de segundo turno”, destacou.