Advogado do prefeito de São Bento afirma que ele fica no cargo

Gemilton_JohnO advogado de Gemilton Souza da Silva (PR) e John Lúcio da Silva (DEM), Johnson Abrantes, garantiu que o prefeito e vice-prefeito de São Bento, cassado pela Justiça Eleitoral em primeira instância, ficarão no poder até o processo ser trânsito e julgado nas instâncias superiores. De acordo com Abrantes, o presidente da Câmara não assumirá o cargo.

JohnsonO prefeito não vai ser afastado do cargo e o presidente da Câmara na vai assumir e vai aguardar o trânsito e julgado da decisão”, disse Abrantes.

Johnson Abrantes disse que os advogados dos gestores recorrerão da decisão ao Tribunal Regional Eleitoral, com prazo até a próxima sexta-feira (21) e, posteriormente, se for o caso, ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ao Supremo Tribunal Federal.