Nossas Redes Sociais

Clinton Medeiros

Clinton Medeiros

Radialista Noaldo teve morte súbita, por infarto, diz perícia

Policial

Radialista Noaldo teve morte súbita, por infarto, diz perícia

Atualização

O deputado estadual, Lindolfo Pires (PP), emitiu Nota de Pesar pela passagem do Radialista, Noaldo Rocha, 48 anos, encontrado sem vida na noite desta última segunda-feira (02) no Apartamento aonde residia no Centro da Cidade de Sousa.

A Nota do Parlamentar Sousense ressalta que “o falecimento do Comunicador Noaldo Rocha chocou toda a população sousense. Noaldo com seu humor e profissionalismo abrilhantava a programação da Rádio Progresso de Sousa há alguns anos. De fato, era admirável”, diz.

O corpo do Comunicador foi velado em Sousa e sepultado em sua cidade natal, Catolé do Rocha.

Noaldo há 17 anos chegou a Sousa vindo da Cidade de Catolé do Rocha para trabalhar na Radiofonia. Em 2005 iniciou o Programa Patrulha Policial pela então Rádio Progresso AM, hoje FM, e com seus bordões peculiares, conquistou uma legião de fãs e admiradores.

Atualmente, continuava fazendo o Programa Patrulha Policial pela manhã, e a tarde, o Carrossel do Brega.

O Encontro

Noaldo na segunda-feira (02), não compareceu para trabalhar na Rádio Progresso como fazia todos os dias. Como tinha muitos amigos, e contatos diretos, desde de cedo muitos amigos realizaram diversas ligações para seu telefone que apenas chamava sem atender.

A noite, o Diretor da Rádio Progresso, Jorge Gadrian, juntamente com outros amigos, desconfiados de ter ocorrido algum problema com o Radialista foram até seu apartamento para saber se ele se encontrava no local.

A porta do apartamento se encontrava fechada, sua moto estacionada ao lado de fora. Bateram na porta do apartamento, mas ninguém respondia.

Solicitaram auxilio de um chaveiro, que ao abrir a porta que estava fechada por dentro. Em seguida, Jorge Gadrian que estava com Rommel Dantas, se deparou com o corpo de Noaldo sem vida na Cama.

O delegado, Dr. Francisco Abrantes esteve no cenário do ocorrido, juntamente com Peritos da Polícia Civil. Como não havia sinais de violências, apenas características de uma morte súbita, possivelmente, infarto, o corpo do Comunicador, natural da Cidade de Catolé do Rocha foi liberado para sepultamento.

Noaldo era casado, e deixou um casal de filhos, mas atualmente, vivia sozinho.

Inforrmações com Reporter PB

Continue lendo...
Espere! Abaixo temos mais Notícias para você...
Clique para comentar

Deixe seu comentário

Mais Notícias em Policial

TOPO
%d blogueiros gostam disto: