Nossas Redes Sociais

Clinton Medeiros

Clinton Medeiros

Popular apresenta denúncia contra Prefeitura de São Bento, confiram respostas do caso

Política

Popular apresenta denúncia contra Prefeitura de São Bento, confiram respostas do caso

Um popular fez uma denúncia contra a Prefeitura Municipal de São Bento, junto ao Ministério Público na comarca de São Bento, ainda no MPF e no Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), por supostos gastos excessivos na gestão do prefeito Jarques Lúcio, do DEM.

O denunciante é Manoel Carlos do Nascimento, que tem RG do estado de São Paulo.

Na denuncia pelo menos cinco postos de combustíveis são citados. Documentos do Sagres On Line do TCE-PB, anexados , e ele diz que até setembro deste ano já teriam sido gastos um total de quase R$ 6 milhões de reais dos cofres da PMSB com tal item.

RESPOSTA – O vereador líder do prefeito Jarques, Artur Araújo (DEM) durante sessão da Câmara Municipal apresentou documentos e rebateu a denúncia apresentada. Segundo ele o que foi feito é uma “safadeza” de quem quer aparecer, o mesmo ressaltou também que a gestão que antecedeu a atual, feita por Gemilton Souza (Progressistas) oposicionista de agora gastou mais recursos com combustíveis. Foram um milhão há mais, e que o mandatário da vez tem economizado quase quarenta mil reais por mês, além de ter dobrado a frota de veículos próprios.

A Prefeitura também divulgou uma nota sobre o assunto, que diz entre os temas mais importantes as seguintes respostas:

– O gasto em referência apresentado pela denúncia, no valor de R$ 6.392.629,70, referente ao período de 31 meses da GESTÃO ATUAL (2017-2020), se comparado ao mesmo período de 31 meses da gestão anterior (2012-2016), possui diferença R$ 1.175.909,13 – quando na época o Município pagou R$ 7.568.538,83 por serviços de abastecimento de combustíveis;

– No período da gestão anterior, São Bento tinha 36 veículos a disposição do serviço público. Atualmente, a Prefeitura Municipal conta com uma frota de 72 veículos;

– Deste modo, vale destacar que: além da GESTÃO ATUAL ter dobrado a quantidade de veículos pertencentes a Frota Municipal, o gasto com combustíveis apresentou uma redução de R$ 1.175.909,13 em 31 meses de administração – representando uma economia de R$ 38 mil mensais;

Imagens: Blog do Ninja

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Mais Notícias em Política

TOPO
%d blogueiros gostam disto: