Nossas Redes Sociais

Clinton Medeiros

Clinton Medeiros

Cidades do Médio Piranhas receberam recursos de Ministérios

Política

Cidades do Médio Piranhas receberam recursos de Ministérios

Prefeituras de municípios da Paraíba foram contempladas com recursos para obras e ações de diversos tipos com Ministérios do governo federal, através da Caixa Econômica, e os contratos foram publicados do diário oficial.

A imprensa obteve a informação que entre os beneficiados estão as prefeituras de Pombal e Riacho dos Cavalos, com verbas dos Ministérios das Cidades e do Esporte.

Para Pombal, são dois convênios firmados com o das Cidades, sendo um no valor de R$ 557.000,00, para pavimentação e drenagem no Bairro Senador Rui Carneiro (Santo Amaro), e o outro no valor de R$ 227.000,00, com a mesma finalidade “no perímetro urbano do município”.

Em ambos os casos, o prazo de vigência é até 30 de setembro de 2023.

Ainda para Riacho dos Cavalos, a verba é destinada pelo Ministério do Esporte, para construção de praça esportiva, no valor de R$ 225.000,00.

Outras cidades no (Médio Piranhas) foram beneficiados os municípios Condado, Catolé do Rocha, Coremas e Brejo do Cruz. O Ministério do Turismo repassou à prefeitura de Brejo do Cruz a quantia de R$ 243.750,00 relativa ao convênio firmado no valor total de R$ 487.500,00 com o mesmo objetivo – pavimentação de ruas.

Catolé do Rocha recebeu em outubro o valor de R$ 15.843,75 para continuidade da obra de construção do centro municipal de comercialização de artesanato no município, que foi iniciada em 2011 e ainda não foi concluída, conforme dados do próprio governo federal.

O convênio prevê o repasse total de R$ 1.218.750,00, mas até agora foram liberados R$ 659.343,75 (54.10%).

Também tiveram verbas de convênios liberadas em outubro os seguintes municípios: Campina Grande, João Pessoa, Serra Branca, Igaracy, Uiraúna, Areia, Sumé, Remígio, Cuité, Patos, Santana dos Garrotes, Sousa, Aguiar, Caldas Brandão, Alhandra, Vieirópolis, Araruna, Boqueirão, Matinhas, Taperoá, Guarabira, Serra da Raiz, São Miguel de Taipu, Boqueirão. Montadas e Santa Teresinha.

POMBAL – Apesar de alguns recursos terem chegado, mas o prefeito do mesmo partido do atual presidente Michel Temer (MDB) e tendo parlamentares de sua base aliados do atual governo federal, o município de Pombal, na gestão do prefeito Verissinho, ainda não recebeu verbas de convênios firmados com a União.

O atual gestor, eleito em 2016, tem os senadores Cássio Cunha (PSDB), José Maranhão (MDB) e Raimundo Lira (MDB), além do deputado federal Hugo Motta (PRB) como aliados.

Levantamento exclusivo realizado pelo Blog do Naldo Silva, junto à Transparência do governo federal, revela que de janeiro de 2017 até este mês de setembro (veja abaixo), apenas valores de três convênios assinados ainda na gestão da ex-prefeita Pollyana Dutra haviam sido liberados.

Dois deles, um para construção de passagem molhada no sítio Riachão e o outro para abastecimento d’água no sítio Umari – ambos através de emendas do deputado Luiz Couto (PT) – já tiveram os valores totais liberados. O primeiro, R$ 400 mil, e o segundo, R$ 250 mil.

O outro é do asfaltamento de ruas de Pombal, no valor de R$ 690.900, que já teve metade liberada, no final de 2017, mas a obra encontra-se parada, porque a atual gestão quer mudar as ruas que serão asfaltadas, contrariando o projeto inicial.

Do orçamento de 2017, nenhum centavo foi repassado. Deste ano, estão empenhados quase R$ 2 milhões, no entanto não há garantia de que seja liberado.

Naldo Silva

 

Clique para comentar

Deixe seu comentário

Mais Notícias em Política

TOPO
%d blogueiros gostam disto: